Pastoral da Educação reúne mais de 1500 educadores em evento on-line

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Neste ano, encontro discute a Pastoral da Educação na Escola Pública. Começa nesta sexta-feira, 11, o XX Encontro Nacional da Pastoral da Educação, que neste ano traz como tema “Igreja em Saída: A Pastoral da Educação na Escola Pública”. O evento, que será on-line devido à pandemia, reunirá mais de 1500 educadores de todo o país.

Inspirado na convocação missionária do Papa Francisco e na realização do Pacto Educativo Global, o Encontro deseja impulsionar uma atuação mais efetiva da Pastoral da Educação nas escolas. O assessor do Setor Educação da Comissão Episcopal Pastoral para a Cultura e a Educação da CNBB, padre Julio Cesar Evangelista Resende, fala da expectativa do encontro e o que a partilha vai contribuir para que se construa um caminho para a presença da Igreja junto às escolas públicas.

“Espero que o encontro ajude nossos educadores e educadores a assumir um novo compromisso com a ação pastoral nos ambientes da escola pública, a partir de uma dinâmica do diálogo e do serviço. A partilha das experiências de algumas dioceses também será uma oportunidade de reconhecer iniciativas exitosas”, disse.

A educação pública no Brasil ainda é um desafio. Ainda mais depois da pandemia da Covid-19 que suspendeu as aulas presenciais e o conteúdo precisou ser oferecido pela internet. Uma realidade que mostrou mais ainda as desigualdades e dificuldades que famílias de baixa renda e ou àquelas que vivem em regiões onde o sinal não chega vivenciam para ter acesso à internet.

Segundo o Censo Escolar 2018, a educação básica no Brasil, em sua maior parte, acontece nas instituições públicas das três esferas, atendendo mais de 80% da demanda. Além de discutir os desafios da escola pública, o XX Encontro Nacional da Pastoral da Educação vai trazer a discussão sobre o Pacto Global pela Educação. Trata-se de um projeto que ultrapassa nações, igrejas, religiões, governos, pois centra-se no compromisso com a educação como “bem comum” e como “direito universal”.

Essa necessidade de reconstruir o “Pacto Educativo” tem sido encampada pelo Papa Francisco que escolheu 2020 para uma ampla reflexão com objetivo de firmar um Pacto Global pela Educação.

De acordo com o Setor Educação da CNBB, o Papa reconhece a necessidade de unir esforços para formar pessoas maduras e com responsabilidade na construção do bem comum. Inspira-se no provérbio da sabedoria africana, que afirma que “para educar uma criança é necessária uma aldeia inteira”.

“A imagem da aldeia evoca uma ampla aliança pela educação que incumbe de responsabilidade não apenas determinados atores sociais, mas pressupõe um envolvimento de toda sociedade. O Pacto Educativo inspira o trabalho da Pastoral da Educação enfatizando a necessária cooperação com todos na sociedade”, destaca um trecho do e-book do encontro.

Por causa da pandemia do coronavírus os eventos do XX Encontro Nacional vão acontecer em transmissão ao vivo pelo Canal do YouTube da Comissão de Cultura e Educação CNBB. O encontro é uma parceria do Setor de Educação da comissão, com a Associação Nacional de Educação Católica (ANEC), o Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) que vai oferecer certificado de 12hs aos participantes inscritos.

Marcio Brito
Marcio Brito

DaQui Agência Digital

Campanha da Fraternidade 2020

Viu, sentiu compaixão e cuidou dele” (Lc 10,33-34)