Belarus: Papa aceita renúncia de dom Kondrusiewicz, arcebispo de Minsk

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
A decisão foi anunciada em comunicado da Sala de Imprensa da Santa Sé deste domingo (3). O Papa aceitou a renúncia do metropolita católico de Minsk-Mogilev, dom Tadeusz Kondrusiewicz, e nomeou dom Kazimierz Wielikosielec como administrador apostólico.

O Papa Francisco aceitou a renúncia ao governo pastoral – por limite de idade – apresentada pelo metropolita católico de Minsk-Mogilev, dom Tadeusz Kondrusiewicz. O boletim da Sala de Imprensa da Santa Sé deste domingo (3) anuncia ainda a nomeação de um administrador apostólico para dirigir a diocese da capital de Belarus. Trata-se de dom Kazimierz Wielikosielec, bispo titular de Blanda e auxiliar da diocese de Pinsk.

No final de agosto de 2020, o arcebispo Kondrusiewicz tinha sido impedido pelo Governo de retornar à sua terra natal após uma viagem à Polônia. Em 22 de dezembro, o núncio apostólico em Belarus, Ante Jozic, havia anunciado “ter recebido dos órgãos estatais competentes”, a informação de que o arcebispo de Minsk “não tem mais obstáculos para retornar ao território da República de Belarus”. Assim, Kondrusiewicz pôde voltar à diocese e celebrar o Natal com os fiéis.

Marcio Brito
Marcio Brito

DaQui Agência Digital

Apoio Cultural:

Campanha da Fraternidade 2020

Viu, sentiu compaixão e cuidou dele” (Lc 10,33-34)