A luz de Cristo vence os medos da nossa alma

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
“Não tenhais medo. Ide anunciar a meus irmãos que se dirijam para a Galileia. Lá eles me verão” (Mateus 28,10).

A Ressurreição de Jesus traz ao nosso coração a alegria que a nossa alma tanto necessita. A alegria que vem do coração de Deus vence os nossos medos.

Todos os discípulos estavam tomados pelo medo, eles viviam de portas fechadas, com medo do que poderia acontecer, do que os judeus poderiam fazer com eles. “Se fizeram isso com Jesus, imagina o que farão conosco”, e viviam então trancados.

Sabemos que o medo trava, tranca, nos coloca reféns dele e nos aprisiona. A grande vitória do Cristo Crucificado, Ele vivo e ressuscitado, é vencer o medo que toma conta de toda a face da Terra, o medo que invade o nosso coração e nos traz incertezas, dúvidas, inquietações, temores e receios.

A alegria que o Ressuscitado traz é para vencer um medo menor ao maior de todos os medos

Só a luz de Cristo vence os medos da alma e do coração, só a luz de Cristo traz esperança para as expectativas humanas. Primeiro, Cristo vence os medos do nosso cotidiano, os medos que nós enfrentamos no dia a dia, medo de não dar conta, medo de não suportar, o medo de não vencer; os medos que, muitas vezes, criamos porque alimentamos falsas expectativas.

O Senhor elimina também do coração humano aquilo que é falso, que é ilusão e que engana, porque, se nos prendemos a isso, caímos em abismos, e o Cristo quer nos libertar dos abismos que, muitas vezes, caímos ao longo da nossa vida, porque colocamos e criamos expectativas em torno de fantasias e daquilo que não é verdadeiro.

Coloquemos em Deus, nos apoiemos n’Ele, porque é Ele que traz a verdadeira alegria que o nosso coração precisa para vencermos os medos que vamos acumulando ao longo da vida.

As pessoas têm medo da morte, nós tememos à morte; e a morte exerce um poder de domínio sobre nós que tememos a ela, que nos angustiamos ao pensar nela. Mas, se a morte é o inimigo mais temido, ele foi vencido, a morte não é mais para ser temida porque ela foi vencida pelo Cristo na Cruz.

A alegria que o Ressuscitado traz é para vencer um medo menor ao maior de todos os medos: o temor da morte. Não precisamos temer, não precisamos desanimar, não é viver a vida se arriscando, achando que nada vai nos acontecer. Eu vou cuidar para viver e viver bem a cada dia da minha vida, mas a minha vida não será plena, se caminho movido por medos, inclusive, pelo medo da morte.

Cristo nos trouxe a vida e ressuscitou dos mortos, para dizer que n’Ele a alegria é plena, em Deus a alegria é eterna.

Deus abençoe você!

 

Marcio Brito
Marcio Brito

DaQui Agência Digital

Apoio Cultural:

Apoio Cultural:

banner-paroquia-nossa-senhora-gracas
encontro-matrimonio

Campanha da Fraternidade 2021

CRISTO É A PAZ: DO QUE ERA DIVIDIDO, FEZ UM unidade".