Cultivemos a semente da Palavra em nosso coração

“A semente que caiu em boa terra é aquele que ouve a palavra e a compreende. Esse produz fruto. Um dá cem outro sessenta e outro trinta” (Mateus 13,23).
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Jesus, o semeador, está nos explicando a parábola do semeador, porque essa parábola nos coloca na condição de ouvintes da Palavra de Deus, que é a boa semente.

Você sabe que o fruto vem da semente, a árvore vem da semente; ninguém nasceu pronto, nenhum fruto nasce pronto. Nós nos tornamos o que somos hoje porque, um dia, fomos semente — no bom sentido daquilo que é a semente, como o germe da vida. O germe da vida em nós vem por meio da Palavra.

A Palavra de Deus é essa semente que faz germinar o homem novo, a mulher nova. Só vamos ser homens de Deus transformados, renovados e curados se a semente da Palavra germinar no nosso coração. Porque é a Palavra de Deus que dá direção, que realiza a transformação; é a Palavra que realiza a cura, a libertação; é ela que traz para nós o nosso encontro pessoal com Deus. O que acontece é que muitas pessoas, inclusive na casa de Deus, no caminho d’Ele, estão perdidas, não levam a vida em Deus porque não levam a sério a Palavra d’Ele que é semeada.

A Palavra de Deus é essa semente que faz germinar o homem novo, a mulher nova

Não basta estar na Igreja, não basta receber os sacramentos, não basta pertencer a esse ou aquele movimento, pois o que nos dá sustento e sentido na caminhada em Deus é a Palavra em nós. É ela que produz frutos em nossa vida, traz o fruto bendito de Deus a nós, que é Jesus, o filho de Maria, a Palavra que se encarnou nela.

Aquela Palavra que se encarnou em Maria, que se fez carne e habitou entre nós, essa mesma Palavra também se encarna em nós quando a acolhemos como semente.

Sei que a semente parece uma coisa muito desprezível e insignificante. Você olha para uma sementinha, você não dá muito valor, sobretudo se vivemos numa era com a nossa, em que a ansiedade nada sabe esperar. Mas o fruto só vai ser saboroso se a semente for cuidada, cultivada e valorizada, se a semente for realmente amada para que ela cresça ao seu tempo e o fruto você colha o melhor possível.

A Palavra de Deus está sendo semeada em nosso coração, mas ela, muitas vezes, não encontra acolhimento, e onde ela não é acolhida, ela também não cresce; ou ela é até acolhida, mas, muitas vezes, é sufocada, desprezada ou não cria raízes, porque nós a acolhemos de uma forma tão superficial, nós a acolhemos de qualquer jeito, acolhemos em meio às palavras do mundo e misturamos tudo.

A semente de Deus é Sua Palavra eterna e salvadora. Se quisermos produzir o fruto do Reino de Deus em nós, e muito fruto, trinta ou sessenta, a graça do Espírito Santo é preciso acolher. Com um coração atento, disposto e com profundidade, a Palavra tem poder de transformar a nossa vida.

Deus abençoe você!

Padre Roger Araújo

 

Marcio Brito
Marcio Brito

DaQui Agência Digital

Apoio Cultural:

banner
INFORMATIVO
banner-paroquia-nossa-senhora-gracas
encontro-matrimonio

Campanha da Fraternidade 2021

CRISTO É A PAZ: DO QUE ERA DIVIDIDO, FEZ UM unidade".