Canadá. Oração e partilha para a Missão, nas pegadas de São João II e Pauline Jaricot

"Durante o mês missionário de outubro, oremos ao Espírito Santo para que nos dê novas forças para continuar nosso testemunho em todos os momentos e em todos os lugares", exorta o diretor nacional das Pontifícias Obras Missionárias do Canadá, padre Yoland Ouellet. No panorama do material preparado e disponível para a animação missionária há 31 reflexões sobre a vida da fundadora da Pontifícia Obra da Propagação da Fé e do Terço vivo, Pauline Jaricot, e uma "Novena missionária" a São João Paulo II
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Ouça a reportagem e compartilhe!

“O Mês Missionário de outubro e seu Dia Mundial das Missões oferecem aos batizados duas vacinas extraordinárias para ter bom êxito na Missão: a oração e a partilha. Bom Mês Missionário e bom Domingo de partilha em 24 de outubro! Feliz anúncio em todos os momentos e em todos os lugares do que vimos e ouvimos com Jesus Cristo!”

Este é o desejo do diretor nacional das Pontifícias Obras Missionárias do Canadá de língua francesa, padre Yoland Ouellet, O.M.I., ao apresentar o material para animação missionária.

A Missão nos chama a ser sinais de fé, amor e esperança

“Durante o mês missionário de outubro, oremos ao Espírito Santo para que nos dê novas forças para continuar nosso testemunho em todos os momentos e em todos os lugares. Juntos, em comunidades cristãs vivas, continuemos a Missão de proclamar o que vimos e ouvimos, nós o anunciamos a vocês! (1Jo 1,3). Unidos a todo homem e mulher de boa vontade, a Missão nos chama a ser sinais de fé, amor e esperança”, continua padre Ouellet.

Pauline Jaricot e São João Paulo II

No panorama do material preparado e disponível para a animação missionária há 31 reflexões sobre a vida da fundadora da Pontifícia Obra da Propagação da Fé e do Terço vivo, Pauline Jaricot, cuja beatificação se terá dentro em breve, e uma “Novena missionária” a São João Paulo II.

João Paulo II foi o primeiro Papa a visitar um número muito grande de países, utilizando meios de transporte modernos, diz a introdução. Durante seus 26 anos de Pontificado, fez 104 viagens fora da Itália, visitando 127 países e muitas vezes indo a alguns países mais de uma vez. Respondeu ao desejo de Cristo, que queria que todos o conhecessem. Deu o exemplo de um homem que levou a Missão muito a sério.

Que os discípulos possam descobrir sua vocação missionária

“Durante o Mês Missionário, em 22 de outubro, celebraremos este Santo que tem marcado nossa Igreja missionária. Faremos uma novena considerando algumas dessas viagens para compreender seu zelo e sua missão universal.”

“Ele visitou países cristãos e outros que não eram de modo algum cristãos. Cada vez entregava uma mensagem de amor, justiça e paz. Ele fez muita coisa. Oremos para que ele interceda junto ao Senhor da messe a fim de que todos os discípulos possam descobrir sua vocação missionária e abraçá-la com zelo e amor”, exorta por fim padre Ouellet.

Vatican News

(com Fides)

Marcio Brito
Marcio Brito

DaQui Agência Digital

Apoio Cultural:

banner
INFORMATIVO
banner-paroquia-nossa-senhora-gracas
encontro-matrimonio

Campanha da Fraternidade 2021

CRISTO É A PAZ: DO QUE ERA DIVIDIDO, FEZ UM unidade".