Aprendamos com Maria a corresponder à graça de Deus

“Jacó gerou José, o esposo de Maria, da qual nasceu Jesus, que é chamado o Cristo” (Mateus 1,16).
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Hoje, temos a graça de celebrar a Natividade de Nossa Senhora, o dia que a Virgem Maria nasceu. A filha de Ana e Joaquim, a filha de Jessé, filha de Davi, a filha de Deus; aquela que o próprio Deus escolheu para ser a mãe do Filho Seu. Hoje, celebramos o nascimento daquela que, ainda concebida no ventre de sua mãe, foi livre da mancha do pecado original. Celebramos, hoje, o nascimento d’Aquela que gerou no seu ventre o Salvador de toda a humanidade, por isso, celebramos com louvores o dia em que nasceu a Virgem Maria.

Gostamos tanto de celebrar o nosso aniversário; e celebrar o aniversário significa celebrar a vida; o significado e a importância que a nossa vida tem. Celebrar o dia do nosso nascimento é celebrar a nossa missão no mundo, a responsabilidade que temos no mundo onde estamos. Por isso, celebrando hoje o nascimento da Virgem Maria, estamos nos voltando para o significado daquilo que foi sua vida, uma vida rica de graça, de dádiva divina, mas uma vida rica de correspondência à graça dada.

Maria não teve uma vida fácil, não teve uma vida simples, pelo contrário, a vida foi muito exigente com Ela, desde o momento em que foi escolhida e designada por Deus para ser a Mãe de Jesus. Os tormentos bateram à sua porta; e, a todos eles, Ela respondeu com a graça que a acompanha, desde o momento de sua concepção.

Peçamos a Maria que nos dê também a graça de correspondemos às graças que Deus nos concede nessa vida

Maria foi portadora da graça, foi Aquela que correspondeu à graça que de Deus recebeu. Quando nós a saudamos “cheia de graça”, como o anjo Gabriel a saudou, a cumprimentou, estamos realmente olhando a graça de Deus que está atuando na vida d’Ela, do mérito de ser a Mãe de Jesus, ao mérito de se tornar a primeira discípula de Jesus, ao mérito de ser Aquela que ouvia a Palavra de Deus e a colocou em prática na sua vida. Não são méritos humanos, aqui é uma vida que corresponde aos méritos divinos, é a mulher sábia que sabe multiplicar a graça, é a mulher sábia que corresponde à graça.

Deus agraciou você, por isso, olhemos hoje para a Virgem Maria e peçamos a Ela que nos dê também a graça de correspondemos às graças que Deus nos concede nesta vida, para que a nossa vida seja uma eterna ação de graças ao Senhor da vida.

Bendito seja Deus que nos deu a Virgem Maria! Bendito seja Deus que nos dá Maria como Mãe, a Senhora e medianeira de todas as graças.

Deus abençoe você!

Padre Roger Araújo

 

Marcio Brito
Marcio Brito

DaQui Agência Digital

Apoio Cultural:

banner
INFORMATIVO
banner-paroquia-nossa-senhora-gracas
encontro-matrimonio

Campanha da Fraternidade 2021

CRISTO É A PAZ: DO QUE ERA DIVIDIDO, FEZ UM unidade".