Por que a Igreja celebra os 3 arcanjos em um único dia

Originalmente, esta festa era apenas para São Miguel. Depois, São Gabriel e São Rafael foram adicionados à celebração
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

ABíblia menciona a existência de três arcanjos: Miguel, Gabriel e Rafael. Cada anjo tinha uma missão específica na história da salvação, mas eles continuam sua ajuda protetora no mundo, mesmo que não possamos ver sua obra espiritual.

O Rito Romano da Igreja Católica designou 29 de setembro como a festa dos Arcanjos Miguel, Gabriel e Rafael. Porém, durante muitos séculos, esse dia foi reservado apenas para São Miguel.

De fato, o 29 de setembro passou a ser a festa principal de São Miguel, em homenagem à dedicação original da igreja na via Salaria, em Roma.

A festa de São Miguel nesta data era, na Idade Média, um dia santo de obrigação, mas a designação acabou sendo removida.

Celebrando os três arcanjos em único dia

Após o Concílio Vaticano II, a Igreja quis destacar ainda mais os três arcanjos e agrupou-os em única festa litúrgica (celebrada em 29 de setembro). Anteriormente, São Gabriel e São Rafael tinham suas festas em diferentes períodos do ano: 24 de março e 24 de outubro, respectivamente.

Agora, eles são celebrados em um único dia, conectando-os ao dia da festa dos Anjos da Guarda, que é bem próxima, ou seja, em 2 de outubro.

Marcio Brito
Marcio Brito

DaQui Agência Digital

Apoio Cultural:

finados3
banner-paroquia-nossa-senhora-gracas
encontro-matrimonio

Campanha da Fraternidade 2021

CRISTO É A PAZ: DO QUE ERA DIVIDIDO, FEZ UM unidade".