O Papa: estratégias de saúde devem ser econômica e eticamente sustentáveis

“Gerenciar recursos e tomar cuidado para não desperdiçar o que é confiado às mãos de cada farmacêutico assume não apenas significado econômico, mas também ético”. Palavras do Papa Francisco na audiência aos farmacêuticos hospitalares", palavarsvdo Papa Francisco no encontro com a Sociedade italiana de farmacêuticos hospitalares nesta quinta-feira (14) no Vaticano
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

O Papa Francisco recebeu na manhã desta quinta-feira (14/10) os representantes da Sociedade Italiana de Farmacêuticos Hospitalares. Francisco iniciou agradecendo e sublinhando a importância do serviço público de saúde nacional considerado “elemento indispensável para garantir o bem comum e o crescimento social de um país”.  E tudo isso no contexto da pandemia, que mudou e mudará a maneira como planejamos, organizamos e gerenciamos a saúde e a assistência médica”. Então Francisco indicou três caminhos para continuar o compromisso com a saúde.

Rotina diária e serviço oculto

“O primeiro é sobre a figura do hospedeiro na parábola do Bom Samaritano: é-lhe pedido que acolha o ferido e cuide dele até o retorno do samaritano (cf. Lc 10,35). Neste caráter podemos ver dois aspectos significativos do trabalho do farmacêutico hospitalar: a rotina diária e o serviço oculto. Estes são aspectos comuns a muitos outros trabalhos, que exigem paciência, constância e precisão, e que não têm a gratificação das aparências, têm pouca visibilidade. Precisamente por esta razão, se forem acompanhadas de oração e amor, elas geram a “santidade da vida diária”.

“Porque sem a oração e o amor – como se sabe – esta rotina torna-se árida.”

“O segundo caminho – continua o Pontífice – diz respeito à dimensão específica do farmacêutico hospitalar, ou seja, seu profissionalismo, sua especialização de pós-graduação. Junto com o clínico, é o farmacêutico hospitalar que pesquisa, experimenta, propõe novas rotas; sempre em contato imediato com o paciente”.

Dimensão ética da profissão

Enquanto que o terceiro caminho diz respeito à dimensão ética da profissão, em dois aspectos, explica o Papa: o pessoal e o social.

“Em nível individual, o farmacêutico está sempre a serviço da vida humana”

“E isto pode, em alguns casos, implicar em objeção de consciência, o que não é deslealdade, mas, pelo contrário, fidelidade à sua profissão, se validamente motivada. É também uma denúncia das injustiças cometidas contra a vida inocente e indefesa.  Trata-se de um assunto muito delicado, que requer tanto grande competência quanto grande retidão”.

Nível ético pessoal

“Recentemente tive ocasião de voltar ao tema do aborto. Vocês sabem que sou muito claro sobre isto: é um assassinato e não é lícito tornar-se cúmplice. Dito isso:

“O nosso dever é a proximidade: estar próximo das situações, especialmente das mulheres, para não se chegue a pensar na solução do aborto, porque na realidade ela não é a solução”

Justiça Social

Francisco continua falando sobre os caminhos a serem seguidos, depois da dimensão ética da profissão em nível ético pessoal, disse há o nível de justiça social: “As estratégias de saúde, voltadas para a busca da justiça e do bem comum, devem ser econômica e eticamente sustentáveis”.  Certamente, no Serviço Nacional de Saúde italiano, é dada grande importância ao acesso universal aos cuidados, mas o farmacêutico – mesmo nas hierarquias de gestão e administração – não é um mero executor. A cultura da rejeição não deve afetar sua profissão. E esta é outra área na qual devemos estar sempre vigilantes. “Deus nosso Pai deu a tarefa de cuidar da terra não para o dinheiro, mas para nós: para os homens e as mulheres”. Nós temos esta tarefa! Ao invés disso, homens e mulheres são sacrificados aos ídolos do lucro e do consumo: é a ‘cultura do desperdício'”.  Esta observação, que na sua origem referia-se ao meio ambiente, aplica-se ainda mais à saúde humana.

Não desperdiçar

“Gerenciar recursos e tomar cuidado para não desperdiçar o que é confiado às mãos de cada farmacêutico – continua – assume não apenas significado econômico, mas também ético. Referimo-nos à atenção aos detalhes, na compra e armazenamento dos produtos, no seu uso correto e no seu destino para os em necessidade urgente”.

Marcio Brito
Marcio Brito

DaQui Agência Digital

Apoio Cultural:

finados3
banner-paroquia-nossa-senhora-gracas
encontro-matrimonio

Campanha da Fraternidade 2021

CRISTO É A PAZ: DO QUE ERA DIVIDIDO, FEZ UM unidade".