O Reino dos Céus é para aqueles que se esforçam

“Fazei todo esforço possível para entrar pela porta estreita. Porque eu vos digo que muitos tentarão entrar e não conseguirão” (Lucas 13,24).
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Para entrarmos no Reino dos Céus, não podemos ter uma atitude passiva, esperando que o Reino dos Céus desça e nos leve. Não! Preciso fazer esforço, e esforço é isso mesmo, é do verbo “esforçar”, eu preciso fazer esforço.

Você sabe que, muitas vezes, o esforço é realmente colocar força naquilo que estou fazendo. Muitas vezes, estamos perdendo a vida por falta de esforço. A pessoa tem aquela atitude de ficar parada, não podemos ficar parados na vida, temos que nos movimentar, e toda movimentação exige esforço. Diante de uma sociedade que nos quer paralisados, o esforço tem de ser ainda maior, porque, senão, o sedentarismo nos vence. E estamos ficando doentes de uma forma cada vez mais dura e cruel, pois, muitas vezes, não fazemos esforço nem para levantar do sofá para desligar um aparelho, ou assim por diante.

O Reino de Deus é para aqueles que se esforçam, inclusive, para passar pela porta estreita

A sociedade do comodismo mantém as pessoas acomodadas sem o esforço necessário para superar os limites, as barreiras, as dificuldades todas que a vida tem. A bênção está no esforço, naquele que realmente está lutando, se esforçando, está se dando, trabalhando, se empenhando para superar aquilo que na vida é necessário superação.

O Reino de Deus é para aqueles que se esforçam, inclusive, para passar pela porta estreita. Você sabe que, se você tem uma porta larga— folgados como somos, gostamos sempre do que é mais espaçoso, do que é mais largo—, mas cuidado com essas portas, porque muitas delas não conduzem para o caminho da vida, depois da porta tem um buraco que leva para o abismo; e nós; muitas vezes; caímos nos abismos da vida porque estamos vivendo uma vida sem esforço. O esforço para sermos corretos, o esforço para não cedemos à corrupção, o esforço para não sermos levados pela fácil tentação do ter, do prazer, o esforço que precisamos para vivermos sacrifícios de uma vida disciplinada.

O Reino dos Céus é conquistado por quem faz esforço, por quem luta, por quem luta primeiro consigo mesmo, por quem não se deixa levar pelas próprias inclinações do corpo, da vontade, da mente, mas por quem leva a vida na ascese, ou seja, alicerçando a vida na direção do caminho que salva. O Reino dos Céus não é para quem vive uma vida com moleza, para quem quer receber tudo na mão.

Cuidado! Porque estamos criando filhos acomodados que, muitas vezes, não são capazes nem de dobrar a coberta da noite dormida, pois tudo é levado na moleza e sem esforço. Crie filhos e crie a própria vida com muito esforço, porque é assim que damos valor e sentido à vida, é assim que conquistamos também o Reino dos Céus.

Deus abençoe você!

Padre Roger Araújo

 

Marcio Brito
Marcio Brito

DaQui Agência Digital

Apoio Cultural: