Deixemo-nos iluminar pela graça da escuta a Deus

“Jesus foi à montanha para rezar. E passou a noite toda em oração a Deus. Ao amanhecer, chamou seus discípulos e escolheu doze dentre eles” (Lucas 6,12-13).
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Hoje, estamos celebrando, com a graça de Deus, dois dos Doze apóstolos de Jesus: São Simão e São Judas Tadeu. E a primeira coisa que a Palavra de Deus nos aponta é que esses homens foram escolhidos não somente a dedo, como também no coração e na oração.

Um homem de Deus não faz escolhas apenas de acordo com os critérios humanos, pelo contrário, ele se deixa iluminar pela graça de Deus, que dá o discernimento e aponta a direção. Às vezes, você vai dizer: “Jesus orou e, mesmo assim, errou porque escolheu Judas”. Não! Pelo contrário, mesmo Deus olhando para nós e sabendo que temos más inclinações, Deus nos chama, Ele nos escolhe porque quer nos dar chance a cada dia para nos convertermos, para sermos melhores, para dizer que temos jeito.

Não há graça maior para o nosso tempo do que a graça da escuta

Quando você não acredita que você tem jeito, você se perde assim como Judas se perdeu, se iludiu e se enganou, mas queremos celebrar hoje esses dois apóstolos que foram fiéis, pois a fidelidade é importante, apesar das fragilidades, porque todos eles tinham fragilidades, fraquezas e pecados. Quando olhamos para a nossa vida, temos fragilidades, limites e pecados, e Deus nos escolhe apesar disso tudo para dizer que maior na nossa vida é a graça. E caímos em desgraça quando deixamo-nos levar pelas nossas inclinações e não pela inclinação da graça.

Apóstolos escolhidos para estarmos com Jesus, para orarmos com Ele, para aprendermos a confiar na graça, para nos voltarmos e sermos transformados pela graça. Apóstolos escolhidos por Jesus para ouvi-Lo. E, uma vez que eles ouviam Jesus, eram enviados por Ele para anunciar em nome do Senhor. E como é que vamos falar do Senhor se não ouvimos o Senhor? Muitos iam até Jesus para ouvirem a Sua Palavra e serem curados de suas doenças e enfermidades.

Penso que não há graça maior para o nosso tempo do que a graça da escuta; vivemos numa sociedade surda, vivemos numa sociedade muito barulhenta, e é por isso que nos perdemos tão facilmente, é por isso que emocionalmente estamos tão doentes porque vivemos muito barulhados. A graça de escutarmos Jesus é a graça de sermos curados de todos os tormentos mentais, espirituais e emocionais que passamos nos tempos em que vivemos.

Deus nos quer curados, mas a cura vem pela escuta, não é pelo desespero, não é pelo grito. Aprendamos a escutar Jesus, essa é a primeira lição do discipulado, do apostolado dos seguidores de Jesus; e muitos se perdem pelo caminho, inclusive nas confusões das próprias emoções porque perdem a graça da escuta.

Deus abençoe você!

Padre Roger Araújo

 

Marcio Brito
Marcio Brito

DaQui Agência Digital

Apoio Cultural:

finados3
banner-paroquia-nossa-senhora-gracas
encontro-matrimonio

Campanha da Fraternidade 2021

CRISTO É A PAZ: DO QUE ERA DIVIDIDO, FEZ UM unidade".