Uma alma do Purgatório te agradecerá por isto

Podemos fornecer uma ajuda enorme a um falecido. Mas você sabe como fazê-lo?
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Opurgatório é real. Se você morrer com pecados veniais, passará algum tempo purgando-os, purificando-os, até que sua alma, livre de pecados, possa ir para o Céu.

Santa Faustina Kowalska teve uma visão do purgatório e o descreve desta maneira:

Eu vi o Anjo da Guarda, que me disse para segui-lo. Em um ponto, encontrei-me em um lugar nebuloso, cheio de fogo, e havia uma multidão de almas sofredoras lá. Essas almas estavam orando com grande fervor, mas sem eficácia para si mesmas; só nós podemos ajudá-las.

Um padre comentou em um programa de rádio que se dedicou a tirar uma alma do purgatório por dia, rezando o Terçodiante de Jesus no sacrário.

Ele oferecia a indulgência que ganhava com a recitação desses rosários para as almas mais necessitadas da Misericórdia Divina.

Muitos santos presenciaram aparições de almas do purgatório que “com a permissão de Deus” apareceram para pedir seus favores – uma missa, a recitação do rosário… – para ajudá-las a sair daquele lugar de tormentos.

E quando elas conseguem, antes de embarcarem em sua viagem ao Paraíso, agradecem pelo imenso favor recebido.

Eu sinto que as almas no purgatório são nossas irmãs. E busco maneiras de ajudá-las. Também procuro conscientizar as pessoas sobre nossa obrigação moral de se recordar das almas do purgatório e mantê-las em nossas orações. É um ato de misericórdia que agrada muito a Deus.

São Josemaría Escrivá disse sobre elas:

As benditas almas do purgatório: levai-as muito em conta em vossos sacrifícios e orações. Espero que, quando referirdes a elas, vós possais dizer: “Minhas boas amigas, as almas do purgatório…”

Mas como ajudá-las concretamente? Existem 3 maneiras muito eficazes.

1. COM INDULGÊNCIAS

Ofereça indulgências pelas almas do purgatório. Você deve estar na graça de Deus para receber indulgências; precisa se confessar, receber a Comunhão e orar pelas intenções do Papa.

2. COM MISSAS

Pois os méritos de uma única missa são infinitos.

3. COM SUA FERVOROSA ORAÇÃO

Particularmente através da recitação do Terço.

Como ajudar os falecidos

Diz o Catecismo da Igreja:

Desde os primeiros tempos, a Igreja honrou a memória dos defuntos, oferecendo sufrágios em seu favor, particularmente o Sacrifício eucarístico para que, purificados, possam chegar à visão beatífica de Deus. A Igreja recomenda também a esmola, as indulgências e as obras de penitência a favor dos defuntos:

«Socorramo-los e façamos comemoração deles. Se os filhos de Job foram purificados pelo sacrifício do seu pai por que duvidar de que as nossas oferendas pelos defuntos lhes levam alguma consolação? […] Não hesitemos em socorrer os que partiram e em oferecer por eles as nossas orações».

CIC 1032

Eu realmente gosto de oferecer todas as infinitas graças que recebo em cada missa para as benditas almas do purgatório.

Eu sei que elas precisam e nos imploram por isso. É como se elas gritassem constantemente: “Ajudai-nos!”

Você aceitaria rezar também pelas benditas almas do purgatório? Elas precisam e vão te agradecer muito.

Reze a Deus por elas, e particularmente por aquelas que mais precisam da misericórdia divina.

Aleteia
Marcio Brito
Marcio Brito

DaQui Agência Digital

Apoio Cultural: