A visão de Santa Gertrudes comprova o poder da oração pelas almas do Purgatório

Santa Gertrudes viu Jesus levar almas do Purgatório ao Céu de acordo com o número de orações feitas por elas
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Santa Gertrudes foi uma santa mística do século XIV, uma freira beneditina que recebeu muitas visões celestiais. Entre suas numerosas revelações privadas estavam breves cenas do Purgatório.

Uma dessas visões é descrita no livro The Life and Revelations of Saint Gertrude (“A Vida e as Revelações de Santa Gertrudes”). A obra destaca o poder da oração pelas almas no Purgatório:

Na quarta-feira, na elevação da Hóstia, ela suplicou a Nosso Senhor pelas almas dos fiéis do Purgatório, que as libertasse de suas dores em virtude de Sua admirável Ascensão. E ela viu Nosso Senhor descendo ao Purgatório com uma vara de ouro em Sua mão, que tinha tantos ganchos quantas orações haviam sido feitas por aquelas almas. Por isso, ele parecia atraí-las para um lugar de repouso. Ela entendeu, portanto, que sempre que alguém reza – geralmente por motivos de caridade – pelas almas do purgatório, é libertada a maior parte daquelas [almas] que durante a vida fizeram obras de caridade.”

As almas do Purgatório

A Igreja Católica ensina que as almas do Purgatório ainda estão, de alguma forma misteriosa, conectadas à Igreja na terra, e que as nossas orações têm um efeito sobre o tempo gasto nesta fase final de purificação.

Santa Gertrudes é uma das mais conhecidas santas que defenderam essas almas sagradas no Purgatório, e a Igreja frequentemente se refere a ela e suas visões para ajudar a explicar o conceito desse “lugar” de purificação.

Aleteia
Marcio Brito
Marcio Brito

DaQui Agência Digital

Apoio Cultural:

finados3
banner-paroquia-nossa-senhora-gracas
encontro-matrimonio

Campanha da Fraternidade 2021

CRISTO É A PAZ: DO QUE ERA DIVIDIDO, FEZ UM unidade".