O Papa: a amizade é a maneira mais segura para alcançar a unidade entre os cristãos

Uma mensagem que que Francisco dirige ao patriarca copta ortodoxo do Egito, Tawadros II, é um "abraço fraterno de paz" no 9º Dia da Amizade entre Coptas e Católicos.
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

O Papa Francisco enviou uma mensagem ao patriarca copta ortodoxo Tawadros II, nesta terça-feira (10/05), por ocasião do 9º Dia da Amizade entre Coptas e Católicos.

Ouça e compartilhe

Ouça e compartilhe

“O nono Dia da Amizade entre Coptas e Católicos me oferece mais uma vez a feliz oportunidade de expressar minha sincera gratidão pelos vínculos espirituais que unem a Sé de Pedro e a Sé de Marcos e para assegurar-lhe a minha amizade constante em Cristo”, ressalta Francisco no texto.

“Atentos às palavras de Cristo, “Vocês são meus amigos, se fizerem o que eu ordeno”, podemos continuar nossa peregrinação de fraternidade cristã, especialmente em preparação para a celebração, no próximo ano, do décimo aniversário do nosso memorável encontro em Roma e do quinquagésimo aniversário do encontro histórico entre o Papa Paulo VI e o Papa Shenouda III”, diz ainda a mensagem do Papa.

Segundo Francisco, “a amizade é a maneira mais segura para alcançar a unidade entre os cristãos, pois nela vemos o rosto do próprio Cristo, que não nos chama de servos, mas amigos, e que reza para que “todos sejam um”. Possa a intercessão de Santo Atanásio, cuja vida e ensinamento inspiram nossas Igrejas, nos guiar no caminho para a comunhão plena e visível”.

O Papa recorda que se aproxima a Solenidade de Pentecostes e pede ao Espírito Santo que os una cada vez mais e “derrame seus dons de consolação sobre nossa família humana sofredora, especialmente nestes dias de pandemia e guerra”.

Francisco conclui, assegurando sua constante proximidade espiritual e sua oração pelo bem-estar e serenidade do patriarca Tawadros II.

Marcio Brito
Marcio Brito

DaQui Agência Digital

Apoio Cultural: